26/08/2015

Capelania

O que é Capelania?

A capelania tem sido um instrumento usado por Deus ao longo dos anos em algumas instituições civis e governamentais. Inicialmente, o trabalho difundido apenas no contexto militar ganhou força em outros contextos devido a sua versatilidade. Hoje, a capelania atinge muitas pessoas em diferentes ambientes, fornecendo ajuda e cuidado pastoral.

2015-08-26-17.38.41Embora obscura a origem da palavra capelania, há indícios de que ela tenha sido cunhada no militarismo. Os relatos históricos nos apresentam a seguinte informação:

Na França, em tempos de guerra, montava-se uma tenda especial, onde era mantido um sacerdote para ofícios religiosos e aconselhamento. A tenda era chamada de “capela”. O costume foi se perpetuando mesmo em tempos de paz e, com o tempo, o sacerdote que cuidava dela passou a ser chamado de “capelão”. O serviço estendeu-se também a outras instituições como: hospitais, cemitérios e prisões, chegando ao contexto escolar. [1]

A capelania, então, é um serviço de cunho pastoral prestado a pessoas em determinadas instituições, a fim de promover o cuidado do ser integral por meio de um correto relacionamento com Deus através de Jesus. Esse objetivo expressa um entendimento de que Deus criou o homem à sua imagem e semelhança para se relacionar com Ele, satisfazendo-se em seu Criador e dando-lhe glória. No entanto, com a entrada do pecado no mundo foi necessário que Deus reconciliasse o homem consigo mesmo e o fez através de Jesus (2 Co 5.19-20). Assim, a capelania age como uma “embaixada” de Deus no ambiente de sua atuação.

No Brasil há algumas leis que asseguram o serviço da capelania na escola. Por exemplo, o trabalho da 2015-08-24-13.08.38-2capelania como assistência religiosa e social aos serviços civis está prevista e garantida pela LDBE (Lei de Diretrizes e Bases da Educação) – Lei número 9.394, como um projeto solidário, que diz: “Art. 2º A educação, dever da família e do Estado, inspirada nos princípios de liberdade e nos ideais de solidariedade humana, tem por finalidade o pleno desenvolvimento do educando, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho”.

Quais são as atividades desenvolvidas pela capelania escolar?

A atuação mais comum da capelania no ambiente escolar é percebida nas seguintes atividades: a) cultos com alunos; b) aulas de ensino religioso ou educação cristã; c) aconselhamento pastoral; d) presença nos velórios e sepultamentos; e) cultos (em datas comemorativas), devocionais setoriais e formaturas; f) visitação a enfermos em hospitais e nos lares; g) avaliação de material didático; h) distribuição de literatura confessional; i) palestras que ofereçam assuntos relevantes com orientação bíblica envolvendo alunos, pais e professores; j) incentivo e acompanhamento de grupos de oração e devocionais de alunos e funcionários; k) assistência social e o incentivo de trabalhos voluntários e filantrópicos.

Essas atividades devem ser avaliadas pelos propósitos e alvos que a instituição visa alcançar, bem como pelas necessidades apresentadas pela escola.

Cremos, que a capelania é uma das maneiras de expressar nossa confessionalidade e atingir todas as pessoas envolvidas no processo educacional. Não é apenas um veículo para apagar incêndios, mas um lugar de conforto e esperança para aqueles que estão no ambiente escolar. Um instrumento para apresentar Cristo ao homem, por meio da Suficiência das Escrituras.

“o qual nós anunciamos, advertindo a todo homem e ensinando a todo homem em toda a sabedoria, a fim de que apresentemos todo homem perfeito em Cristo” (Cl 1.28).

[1] NOBRE, Wyclif Porfírio. Capelania escolar confessional: um estudo desta atividade no Instituto Presbiteriano Mackenzie [online].
Disponível em: http://mackenzie.br/fileadmin/Graduacao/CCH/primus_vitam/primus_6/wyclif_.pdf. Acesso em: 24 de julho de 2015.